A Polícia Rodoviária Federal flagrou, neste final de semana, 62 motoristas dirigindo sob efeito de álcool nas rodovias federais de Santa Catarina. A fiscalização fez parte da Operação Integrada Rodovida, que em conjunto com Polícia Militar, Polícia Militar Rodoviária e Guardas Municipais, visa reduzir os acidentes de trânsito durante a temporada de verão.

O número de flagrantes é preocupante, uma vez que a maioria das regiões do estado está classificada como risco gravíssimo para a Covid-19, e portanto, a realização de festas e outros eventos públicos continua proibida pelas autoridades.

O álcool reduz os reflexos e a capacidade de reação do motorista, colocando em risco não só a própria vida, mas também a vida de outras pessoas que utilizam a rodovia. Todos os condutores foram penalizados com multa gravíssima no valor de R$ 2.934,70, receberam 7 pontos na carteira e vão responder a processo de suspensão da CNH.