Última atualização:

Mercedes-Benz bateu na lateral de uma caminhonete e em um poste, provocando a morte de Roberto Angeloni. Colisões foram na BR-101 em Biguaçu, na Grande Florianópolis.

O presidente do grupo Angeloni, Roberto Angeloni, de 50 anos, morreu na manhã deste domingo, 28, em acidente na BR 101, em Biguaçu. Ele dirigia uma Mercedez Benz, com placas de Criciúma, que se chocou com uma Ford Ranger. O carro de Angeloni saiu da pista, bateu em um poste e se partiu.

O acidente ocorreu às 11h30, no KM 184, em frente ao posto Tijuquinha. A Polícia Rodoviária Federal confirmou a identidade de Angeloni e disse que uma passageira da caminhonete foi encaminhada ao hospital de São José.

 

Biografia

O Grupo Angeloni foi fundado em 1958 pelos irmãos Antenor e Arnaldo e detém a maior rede de supermercados de Santa Catarina. Segundo site da empresa, são 29 lojas, 23 farmácias, 9 postos de combustíveis e 2 centros de distribuição de mercadoria, com cerca de 10 mil funcionários.

Roberto era filho de Antenor.  Cursou Administração de Empresas pela Esag/Udesc, em Florianópolis, e MBA em Administração Global pela Universidade Independente de Lisboa, em parceria com a Única. Assumiu a presidência do grupo em 2003

Desde os 10 anos ajudava no negócio familiar em Criciúma.